Fies

 

O FIES, Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior, é um programa do Ministério da Educação que tem como objetivo financiar cursos de graduação presenciais para alunos regularmente matriculados em instituições de ensino superior com mensalidades pagas.

Informações Gerais:

• Para que o aluno tenha direito ao financiamento, o valor da mensalidade deverá comprometer mais de 20% da renda per capita familiar bruta.

• O aluno poderá financiar até 100% do valor de sua mensalidade.

• O aluno deverá apresentar a aprovação no ENEM, se concluiu o ensino médio após o ano letivo de 2010.

• O aluno começará a pagar o financiamento 18 meses após a colação de grau e terá três vezes o tempo do curso mais 12 meses para pagar todo o valor financiado a juros de 3,4% ao ano, para todos os cursos.

• No período em que estiver cursando a graduação, o aluno deverá pagar a taxa de R$ 50,00, a cada trimestre, relativa ao juros e correção monetária do financiamento.

• O aluno deverá acessar o site: sisfiesportal.mec.gov.br para fazer sua inscrição. É muito importante que o aluno leia todas as instruções disponíveis no site.

• O aluno poderá solicitar o ingresso no financiamento em qualquer época do ano.

• Para o aditamento, o aluno poderá optar pela redução do percentual de financiamento, nunca pelo aumento.

• O percentual mínimo para financiamento é de 50% e poderá ir até 100% em todos os semestres.

 

De acordo com o site sisfiesportal.mec.gov.br, as fases do financiamento são:

1 - Utilização: período compreendido entre o ingresso do estudante no Fies e o mês imediatamente anterior ao início da fase de carência. Ao longo desse período, o aluno deverá pagar trimestralmente os juros incidentes sobre o financiamento, limitados a R$ 50,00 (cinquenta reais).

2 - Carência: período compreendido entre o mês subsequente ao término da fase de utilização e o mês imediatamente anterior ao início do período de amortização. Durante esse período, o estudante financiado fica obrigado a pagar os mesmos juros previstos na fase de utilização.

3 - Amortização: período iniciado no 19° (décimo nono) mês imediatamente subsequente à fase de utilização. Nessa fase, o saldo devedor do financiamento é amortizado com base no valor apurado mediante a aplicação da Tabela “Price”, em parcelas mensais, iguais e sucessivas, pelo prazo de até 3 vezes o prazo de permanência do estudante na condição de financiado, acrescido de 12 (doze) meses.

O MEC (Ministério da Educação) publicou uma portaria no Diário Oficial da União, no dia 12/04/2012, que estabelece a renda familiar mensal de até 20 salários mínimos para que o estudante possa se cadastrar no Fies (Fundo de Financiamento Estudantil). Até então, as regras para participação no programa não estipulavam uma renda máxima.
Dúvidas frequentes sobre o FIES

Quando abrem as inscrições para o FIES?

Normalmente no mês de janeiro. O Próprio site do FIES determina o início das inscrições.

Solicitamos a atenção ao site sisfiesportal.mec.gov.br/, e em nossas demais redes de relacionamento (Twitter, Facebook e unitau.br), pois publicaremos qualquer novidade.

Existe cota para inscrições no FIES em cada curso?

Não, a partir do ano de 2014, as inscrições para o FIES na UNITAU são ilimitadas.

• Qual a documentação necessária para entrega na Pró-reitoria Estudantil para o financiamento?

Ficha de inscrição devidamente impressa, mais os originais seguidos de cópias (ou cópias autenticadas) dos seguintes documentos:

a. Documentos de identidade (o documento informado no momento da inscrição deve ser o documento entregue) e CPF de todos os membros do grupo familiar. Aos membros da família menores, que não tiverem RG, será permitida a apresentação da certidão de nascimento;

b. Comprovante de residência do grupo familiar (contas de água, luz ou telefone de onde efetivamente reside a família);

c. Comprovante de rendimentos de todos os membros da família maiores que trabalham:

d. 3 últimos contracheques no caso de renda fixa e em comissão;

e. 6 últimos contracheques no caso de pagamento de horas extras;

f. No caso de não possuir os documentos acima, trazer cópia do Imposto de Renda ou do DECORE (Declaração de Contribuição e Rendimentos assinado por um contador – caso de autônomos)

g. Declaração de que não possui renda, de todos os membros que não trabalharam (com firma reconhecida em cartório);

h. Histórico escolar do ensino médio e certificado de conclusão do candidato;

i. Comprovante do ENEM caso tenha concluído o ensino médio a partir de 2009;

j. Em se tratando de pais separados, trazer copia do termo de audiência estipulando o valor da pensão, se houver e certidão de casamento averbada.

 
• Quem não pode se candidatar ao FIES?

Aqueles:

a. Cuja matrícula acadêmica esteja em situação de trancamento geral de disciplinas no momento da inscrição;

b. Que já tenham sido beneficiados com o FIES e desistiram;

c. Que estejam inadimplentes com o Programa de Crédito Educativo (PCE/CREDUC);

d. Cujo percentual de comprometimento da renda familiar mensal bruta per capta seja inferior a 20%;

e. Cuja renda familiar mensal bruta seja superior a 20 salários mínimos.

 

• Alunos e fiadores podem ter restrição no CPF para inscrição no FIES?

Não. Os alunos, nem seus fiadores poderão ter restrições no CPF; e se forem casados, os respectivos cônjuges também participam da mesma regra.

É importante ressaltar que mesmo no período de aditamento esta condição continua sendo válida.

• É indispensável a apresentação de um fiador?

Sim, nos casos em que a renda familiar bruta per capita for superior a um salário mínimo e meio.

Vale lembrar que o fiador deve ter como rendimento duas vezes o valor da mensalidade do curso escolhido pelo aluno, e se isso não for possível, há a possibilidade de adição de outro fiador para complementação do valor.

• Ao realizar a inscrição, e concluí-la, o aluno já pode considerar-se beneficiado pelo financiamento?

Não. Para a obtenção do financiamento há 4 fases:

a) inscrição e conclusão da inscrição com impressão da ficha no site sisfiesportal.mec.gov.br/;

b) entrega da documentação na Pró-reitoria Estudantil para ser avaliada pelos membros da comissão;

c) comparecimento do aluno e seu fiador, em caso de fiança convencional, ao Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal para aprovação;

d) Entrega de cópia do contrato no Setor de FIES, na Pró-reitoria Estudantil.

• Se eu tiver um fiador posso me inscrever no FIES ainda que nenhum membro da minha família tenha renda?

Não. Infelizmente o Financiamento é feito de acordo com a renda mensal bruta do grupo familiar, e se o aluno não tiver um rendimento mínimo não será possível realizar o financiamento. Vale lembrar que entende-se como grupo familiar parentes diretos, residentes na mesma casa, como: pai, mãe, cônjuge, filhos, irmãos e avós.

• Quando o aluno começa a pagar o financiamento?

Após 18 meses da conclusão de seu curso. No entanto, é importante frisar que a contratação do financiamento implica no pagamento de uma quantia de R$ 50,00 trimestralmente ao longo de toda graduação.

• Após a contratação o aluno garante seu financiamento até a conclusão do curso?

Sim, porém semestralmente (nos meses de janeiro e julho), é preciso que o aluno compareça ao Setor de FIES, na Pró-reitoria Estudantil, para aditamento do contrato, ou seja, informar ao Governo Federal que deseja continuar usufruindo do Programa.

• Se o aluno já tem o FIES em outra Universidade ele pode solicitar sua transferência para a UNITAU trazendo consigo o financiamento?

Sim. O estudante deverá procurar a Comissão da Universidade em que está matriculado, efetuar a transferência de curso, e trazer a documentação à nossa Universidade para validação da transferência e do aditamento para renovação de contrato

• Para a realização dos aditamentos, o que é necessário?

O comparecimento do aluno à Pró-reitoria Estudantil trazendo consigo seu CPF e a senha utilizada no momento da inscrição. Este procedimento provavelmente será pré-agendado, e tem uma duração média de 15 minutos. Após este procedimento, dentro de 10 dias o aluno já poderá retornar ao Setor de FIES para retirar sua via do Documento de Regularidade de Matrícula (DRM) assinada pela Comissão, para arquivamento.

• Após o aditamento é necessário comparecer ao banco novamente?

Não. Apenas se houver modificação de fiador, de percentual a ser financiado, ou alteração de semestre cursado/financiado. Nesses casos o aluno deverá encaminhar a via de conclusão à agência bancária para alteração do contrato, e entregar uma cópia ao Setor de FIES, na Pró-Reitoria Estudantil, para arquivo.

• O que acontece se o estudante não comparecer à CPSA (Pró-Reitoria Estudantil) ou ao Agente Financeiro nos prazos estabelecidos?

a.Não comparecimento à Pró-reitoria Estudantil para entrega da documentação: O valor reservado bem como o nome do estudante retornam ao sistema para nova inscrição no dia seguinte ao vencimento.

b. Não comparecimento ao Agente Financeiro (Banco) junto com o Fiador: O valor reservado ao estudante retorna ao sistema em 5 dias úteis e o nome do estudante somente em 10 úteis.

Quem é beneficiário de alguma modalidade de bolsa na Universidade pode realizar a inscrição no FIES?

Não. Ao efetuar a contratação do financiamento automaticamente qualquer modalidade de bolsa dentro da Universidade será cancelada, a fim de tornarmos acessíveis os benefícios disponíveis ao maior número de alunos possível dentro da Instituição.

Quais percentuais de financiamento posso realizar com o FIES?

Existem variáveis entre 50% a 100%. Este percentual é dado pelo próprio site do Governo, levando-se em consideração a renda familiar bruta e seu comprometimento.

• O FIES quita parcelas/dívidas anteriores ao contrato?

Não. O Financiamento é valido somente para parcelas referentes a partir do momento da filiação, não alcançando parcelas anteriores.

• O que eu faço se não encontrei minha questão respondida acima e ainda tenho dúvidas?

Escreva para pre@unitau.br ou ligue para 3625-4126!

 

160 Comentários

  1. vivian

    Olá, Ana!

    A ficha de inscrição poderá ser alterada assim que a data de limite do comparecimento a CPSA vencer (no alto da ficha de inscrição a uma indicação de data para o comparecimento a CPSA, é essa data que você deve esperar passar). Para outras informações procure o Setor de FIES, na Central do Aluno (Rua Barão da Pedra Negra, 162, Centro de Taubaté) ou ligue (12) 3625-4126.

  2. vivian

    Olá, Ana Flávia!

    Sobre as demandas no FNDE, ligue no 0800 616161 informando o número de protocolos e pergunte sobre o andamento delas. Sobre os aditamentos, entre em contato com o Setor de FIES, na Central do Aluno UNITAU (Rua Barão da Pedra Negra, 162, Centro de Taubaté) ou pelo telefone (12) 3625-4126.

  3. Andressa

    Oi, o fiador pode ser membro do seu grupo familiar?
    Exemplo: Grupo familiar – Mãe, aluna e irmã.
    Fiador – Mãe.

  4. vivian

    Olá, Andressa!

    O fiador pode ser qualquer pessoa, desde que não seja seu marido/esposa, tenha restrição no CPF ou tenha o nome em outro financiamento. Em caso de inclusão de dois fiadores, eles não podem ser casados entre si. ;)

  5. Raissa

    olá, preciso da ajuda…
    fiz meu aditamento 2015.1 e deu não simplificado, tenho que comparecer ao banco… o pessoal da faculdade me informou que deveria ser algum problema com o fiador, mas meu fiador já consultou o seu nome e não há nenhuma restrição… estou em atraso com a mensalidade trimestral, será que deu não simplificado por conta desse atraso?
    desde já agradeço

  6. vivian

    Olá, Raissa,

    Se seu aditamento deu não simplificado, você deverá comparecer a Central do Aluno para retirar o Documento de Regularidade de Matrícula (DRM), que contém o prazo para a ida ao banco. As determinações de Simplificado ou Não Simplificado são feitas pelo site do SisFIES, gerido pelo FNDE/MEC.

    Fique atenta aos prazos e não deixe de levar uma cópia do documento entregue pelo banco a Central do Aluno.

  7. Taffarel Freires

    Olá, o meu Aditamento deu Não Simplificado, eu sei que tenho que ir na CPSA e Depois Na Agência Finaceira, mas transferir de IES e a agência que fiz o meu Fies é muito longe de onde eu moro atualmente, será que eu posso ir em qualquer outra agência do mesmo Banco ‘Caixa Econômica’ pra resolver esse aditamento?? Agradeço desde já! Boa noite

  8. vivian

    Bom dia, Taffarel,

    A atualização contratual do FIES deve ser realizada na agência bancária em que você fechou o contrato. Para outras informações, ligue no (12) 3625-4126.

  9. Henrique

    Tenho FIES com fiador e gostaria de saber se ao fazer o adiamento posso excluir o fiador e fazer o aditamento sem fiador?

  10. vivian

    Olá, Henrique!

    Depois de assinar o contrato do FIES no banco, não é mais possível trocar o tipo de fiança.

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *